Presidente da Amcespar participa de evento com o ministro da Educação

Benato falou sobre a defasagem no recurso para o transporte e merenda escolar

Kauana Neitzel

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, esteve em Ponta Grossa nesta quinta-feira (4), cumprindo agenda a convite da deputada federal Aline Sleutjes (PSL), juntamente com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O presidente da Amcespar e prefeito de Inácio Martins, Junior Benato, esteve representando 80 prefeitos do Paraná na cerimônia.

O evento foi direcionado a prefeitos, secretários municipais de Educação, gestores educacionais, especialistas e técnicos da educação. O principal objetivo do encontro é promover discussões, trocar experiências e levantar propostas com a intenção de aprimorar a gestão educacional e qualificar os funcionários envolvidos no planejamento, cadastramento e solicitação de projetos e recursos na rede pública de educação com o apoio do FNDE. Na ocasião, participaram os Núcleos Regionais de Educação de Irati, Ponta Grossa, União da Vitória e Telêmaco Borba.

A anfitriã Elizabeth Schmidt, prefeita de Ponta Grossa, também esteve presente. Benato falou na oportunidade sobre a defasagem no recurso para o transporte e merenda escolar. Outra reivindicação pontuada é a falta de diálogo entre os poderes, “a situações em que as coisas vêm pra os municípios e não é feito uma conversa vendo a realidade de cada cidade”, questiona o presidente da Amcespar.

O exemplo apresentado por Junior no evento é em relação ao transporte escolar de Prudentópolis, que faz mais de dez mil quilômetros por dia no transporte. O ministro destaca que “o evento em questão se faz necessário para a correta utilização e aplicação dos recursos públicos, pois os municípios poderão receber de forma individualizada atendimento técnico e sanar suas dúvidas e/ou possíveis irregularidades.”

O ministro recebeu das mãos da prefeita Elizabeth Schmidt, do reitor da Unicesumar, Wilson de Matos Silva, e da deputada Aline Sleutjes, o pedido formal para que seja autorizada abertura de 60 novas vagas de Medicina em Ponta Grossa.

Ministro da Educação, presidente da Amcespar e equipe da educação de Inácio Martins. Foto: Reprodução