AMCESPAR organiza consórcio para diversos serviços de proteção social

Em reunião com o SEJUF de Irati, foram discutidos os rumos para o consórcio

Vanderlei Kawa

A AMCESPAR e a SEJUF Regional de Irati, na última segunda-feira (11), reuniram-se através do presidente da AMCESPAR, Junior Benato, a diretora do Escritório Regional do SEJUF, Marisa Lucas, e seus técnicos, juntamente com os agentes que atendem os serviços de acolhimento institucional nos municípios da região da AMCESPAR, para definir ações da organização de um consórcio de prestação destes serviços através do CONDER (Consórcio de Desenvolvimento Regional), já constituído por mais de 20 anos na AMCESPAR.

Esse consórcio será multifinalitário sobre assuntos da assistência social. Foram debatidos, juntos aos técnicos da área que atuam nos municípios, vários temas ligados aos serviços de proteção social especial e as dificuldades existentes. Estiveram presentes também, assessores jurídicos para definirem as formas de constituir este consórcio regional.

O prefeito de Inácio Martins, Junior Benato, falou do trabalho já executado através do Consórcio, como a Patrulha Rural, a efetivação dos Planos de Recursos Hídricos, revisão dos Planos Diretores, Projetos Bio-pinhão e o projeto de iluminação pública em andamento juntos aos municípios.

Pela SEJUF, os técnicos responsáveis apresentaram três pautas que podem ser consorciados entre os municípios, como os serviços de acolhimento institucional para adultos e famílias, atendimento em duas modalidades, uma casa de passagem para acolhimento imediato e emergencial, atendimento em unidade semelhante a residência com limite de até 50 pessoas; os serviços de acolhimento para as mulheres em situação de violência, um local para esta acolhida com funcionamento em regime sigiloso de cogestão; os serviços de acolhimento para os idosos com 60 anos ou mais, entre outros.

Após colocarem em vista os problemas dos Técnicos Municipais para atenderem as áreas sociais, foi mencionado a respeito dos serviços prestados de acolhimento para os jovens e adultos com deficiência na faixa etária de 18 a 59 anos de idade, em condições de autossustentabilidade, retaguarda familiar e com vínculos familiares rompidos, ou que estejam em processos de desligamento de outras instituições. Foi comentado sobre o Programa República, que é uma moradia subsidiada a grupos de jovens em situação de vulnerabilidade e risco pessoal e social, sem condições de moradia e autossustentação.

Também foi proposto a nível de consórcio, uma estrutura regional de uma residência privada, para receber a supervisão técnica e garantir a gestão coletiva da moradia e o acompanhamento psicossocial apoiando a qualificação, inserção profissional, assim como construção de projeto de vida. O Programa República é organizado em todo o estado, possui unidades masculinas e femininas, e o número máximo de usuários por equipamento são seis jovens atendidos. E no caso do imóvel alugado, as tarifas podem ser subsidiadas e gradativamente assumidas pelos jovens.

Os municípios da AMCESPAR que são atendidos mensalmente pelo SEJUF Regional de Irati são Irati, Fernandes Pinheiro, Guamiranga, Imbituva, Inácio Martins, Mallet, Rebouças, Rio Azul e Teixeira Soares. O município de Prudentópolis pertence a regional de Guarapuava.

Após as colocações diante de inúmeros desafios que os municípios têm diariamente, foi proposto um estudo e diagnóstico das demandas para organização junto à aprovação dos prefeitos e que serão apresentadas nas próximas reuniões com todos prefeitos e prefeita integrantes da AMCESPAR. O consórcio será uma gestão inédita no estado do Paraná para atender a estes serviços sociais. A AMCESPAR, através do CONDER, está buscando novos rumos do acolhimento institucional aos que mais necessitam de ajuda.