Outubro Rosa: Um gesto de amor próprio

Conheça a história de Sueli Fracaro que superou o câncer de mama. Irati continua com ações da campanha

Jaqueline Lopes e Esther Kremer

O Outubro Rosa é uma campanha anual de combate ao câncer de mama e colo do útero e tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce. E ainda restam dez dias para fazer os exames. Ser diagnosticado com a doença pode ser assustador, mas quando tratado precocemente tem cura.
A técnica em enfermagem, Sueli Fracaro, foi uma das vítimas do câncer de mama, ela descobriu o nódulo aos 35 anos. O exame de mamografia mostrou um cisto, durante a retirada do mesmo, foram encontrados outros nódulos e com a biopsia foi detectado o câncer, após a mastectomia, ela iniciou o tratamento. Após 11 anos, está quase curada da doença.
Sueli conta que o processo foi difícil e doloso. Ela teve o apoio dos dois filhos e isto fez com que não perdesse a esperança. “Foi uma surpresa a notícia, porque eu nunca esperava. Fui fazer alguns exames para ver se estava tudo bem e aí quando apareceu foi difícil, mas tem que lutar”.
A técnica em enfermagem fez as radioterapias em Ponta Grossa, foram 28 sessões, e precisava ir e voltar de ônibus. Também fez 12 sessões de quimioterapia e precisou retirar uma das mamas. “Fiz mastectomia. Foi bem difícil, não tinha a unidade do hospital Erasto Gaertner em Irati. Teve a questão de cair o cabelo, e isso diminui a autoestima. Engordei. Mas eu nunca perdi a fé e a esperança”, disse.
Em 2010, a técnica em enfermagem realizou a cirurgia para a retirada da mama e também o implante da prótese de enchimento no local. Atualmente, ela ainda continua o tratamento medicamentoso até o fim do ano. Em janeiro de 2022, começa o processo de acompanhamento a cada seis meses.
Sueli alerta as mulheres e pede para que façam a mamografia, pois a descoberta do câncer precisa ser rápida, desta forma, facilita o tratamento. “Não é só no Outubro Rosa que temos que falar sobre a mamografia. Quando diagnosticado no começo é bem mais fácil de ser tratado, quero pedir para que as mulheres se cuidem. Se sentir alguma coisa de errado com o corpo, vá ao médico, pois hoje as coisas estão mais fáceis e temos o Erasto Gaertner aqui na cidade”, observa.
De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), o risco estimado é de 43,74 a cada 100 mil mulheres. “Várias pessoas têm procurado as unidades de saúde para fazer os exames, o que facilita o trabalho”, conta a Dra. Renata Nogueira, que atende na Saúde da Mulher em Irati. “Muitas pacientes têm nos procurado com queixa de alterações mamárias secreções, nódulos palpáveis (indolores) e quanto a parte ginecológica aparece sangramento vaginal, após as relações, e isso tem facilitado o trabalho, e encaminhamento em centros de grandes complexidades”, comenta.
A Dra. Renata explica que o preventivo é feito a partir dos 25 anos, e é avaliado caso a caso. Para as pacientes que começaram a vida sexual muito cedo há a orientação de procurar o ginecologista para uma avaliação clínica, e, posteriormente, avaliar a necessidade de um exame mais minucioso. Já a mamografia deve ser feita todos os anos a partir dos 50 anos até os 70, aquelas pessoas que já tem histórico na família têm orientação de procurar e fazer os exames antes, normalmente aos 40 anos. “É muita raro ter câncer antes dos 40 anos, mas existe uma pequena porcentagem. Na campanha tivemos bons resultados”, explica a doutora.
Dra. Renata enfatiza que o quanto antes diagnosticado o câncer, mais chances a paciente tem, pois inicia o tratamento enquanto o nódulo ainda está pequeno. Os exames são feitos nas unidades e se necessário encaminhados para os especialistas e oncologia.
A prefeitura de Irati está com um cronograma para todo o mês, com diversas atividades sobre a temática e também com o sorteio de uma moto zero km para mulheres que fizerem o exame preventivo, desta forma, buscam incentivar cada vez mais o cuidado com a saúde da mulher.
A secretária de Saúde, Jussara Aparecida Kublinski, comentou sobre o cronograma para este final do mês de outubro. As unidades da Vila São João, Ademar Neves, Saúde da Mulher e Engenheiro Gutierrez estão fazendo atendimento das 16h30 até as 20h, para mulheres que não tenham disponibilidade no horário comercial. A unidade da Saúde da Mulher está atendendo também aos sábados.
Segundo a secretária, é importante que as mulheres façam os exames e cuidem da saúde. “Tudo no começo é mais fácil de tratar, eu falo por experiência própria, tive câncer de mama, descobri no começo e é muito mais rápido tratamento”, disse Jussara.
A secretária também explicou que várias ações estão sendo feitas como forma de incentivar mulheres a realizar os exames. No sábado (16), foi realizado um evento em parceria com o SENAC e a Câmara da Mulher, na Rua Doutor Munhoz da Rocha, com o objetivo de orientar os assuntos em torno do câncer de mama. Na quarta-feira (20), foi realizado um café da tarde na unidade da Saúde da Mulher para as pacientes estavam realizando o preventivo. O SENAC ofereceu serviços de cuidados com a estética.


SORTEIO DE UMA MOTO 0 KM
A novidade este ano para a campanha, em Irati, está no sorteio de uma moto zero km, no valor de R$ 10 mil, para as mulheres que procurarem as unidades básicas de saúde do município e realizarem o exame preventivo. O sorteio surgiu como uma forma de incentivar as mulheres a realizarem o exame.
O prêmio será custeado por empresas fornecedoras de insumos para a Secretaria de Saúde. Para concorrer a moto, a mulher deve fazer o exame, em seguida o cadastro e então, recebe um número para o sorteio, que será realizado no dia 31 de outubro.

CAMINHADA OUTUBRO ROSA

No dia 30 deste mês, próximo sábado, acontece a Caminhada Outubro Rosa, uma realização da ANAPCI e Espaço Mulher Fitness. A concentração será às 17h, em frente a Associação, na Rua Conselheiro Zacarias, nº 156, bairro Centro. A chegada será na Colina Nossa Senhora das Graças.
Na oportunidade, serão aceitas doações de alimentos e produtos de higiene, que serão destinados aos pacientes da ANAPCI.