Câmara solicita internet de qualidade no interior do município

“Os estudantes da área rural necessitam de qualidade na conexão e navegação, pois vêm encontrando dificuldades para acessar as aulas online nesse período de pandemia”, alertou Helio de Mello

Foto: Minha Conexão

Atendendo os inúmeros pedidos das comunidades do interior, durante a Sessão Ordinária do dia 1º de julho, os vereadores apresentaram indicação ao Executivo solicitando melhora no atendimento dos serviços de internet na área rural. O pedido que partiu de cidadãos iratienses foi enaltecido, reforçado e aprovado pelos parlamentares por unanimidade de votos.   

O vereador Helio de Mello requereu o envio de ofício à operadora de telefonia Tim, solicitando melhora no atendimento dos serviços de internet no interior e análise da possibilidade de instalação de mais uma torre de transmissão na região do Cerro da Ponte Alta, pois as torres existentes atualmente nas comunidades de  Gonçalves Junior, Itapará e Guamirim, segundo ele, ficam muito distantes uma das outras  e diversas comunidades acabam sem poder usufruir dos serviços. “Os estudantes da área rural necessitam de qualidade na conexão e navegação, pois vêm encontrando dificuldades para acessar as aulas online nesse período de pandemia”, alertou Mello.

Nivaldo Bartoski que também é morador do interior e testemunha da dificuldade de acesso à internet reforçou o pedido sugerindo o encaminhamento de ofício também ao deputado e atual Secretário de Infraestrutura e Logística do Estado, Sandro Alex, para que o mesmo auxilie nesta importante e necessária melhoria para o interior de Irati.

Ainda de acordo com Mello, as torres nas comunidades de Gonçalves Júnior, Itapará e Guamirim são distantes e como o relevo de Irati é bastante quebrado, muitas comunidades ficam sem acesso. “Sugiro que além de ofício à Tim, encaminhemos ofício também aos deputados solicitando estudos para ampliação do sistema com mais torres, acredito que uma no Cerro da Ponte Alta e outra na Barra do Gavião melhoraria muito o atendimento. Dessa forma, além de atendermos as comunidades, daremos condições para que nossos alunos possam realizar suas atividades com qualidade e segurança. Temos um grande número de estudantes que sem conseguir acessar a internet estão pedalando quatro, seis quilômetros por dia para se deslocar até a casa de parentes e poder acessar. As aulas são diárias, o sistema funciona conforme a frequência do aluno, a presença dele é registrada de acordo com o acesso. Precisamos oferecer ao povo do interior as mesmas oportunidades do centro urbano”, destacou Helio.

O Presidente Nei Cabral e o 1º Secretário José Bodnar reforçaram a importância do pedido. “Trata-se de uma solicitação mais do que importante, as nossas crianças precisam de conexão de qualidade para concluírem suas atividades”, afirmou Cabral sugerindo ainda estudos para que, em breve, a linha Gonçalves Júnior a Itapará receba internet de fibra óptica, tecnologia superior às outras convencionais”.


Veja Também