Produtores de Imbituva utilizam calcário para melhorar plantação

A Prefeitura investiu em torno de R$ 300 mil no programa, auxiliando na entrega do produto

Esther Kremer

A Prefeitura de Imbituva, através da Secretaria de Agricultura, aderiu a um programa de distribuição de calcário aos produtores rurais do município. Ao todo, 240 produtores foram beneficiados com o programa. A Prefeitura investiu em torno de R$ 300 mil, auxiliando na entrega do produto.

Segundo o secretário de Agricultura, Tiago Castro, foi realizada uma chamada pública e aberto um processo de contratação de caminhoneiros autônomos do município para realizar o frete do calcário, foi conseguido cerca de 196 fretes. “A prefeitura quitou o valor do frete e a contrapartida foi o boleto e a nota fiscal do calcário que o produtor está recebendo na propriedade”, disse.

A aplicação de calcário (calagem) atua na acidez do solo e fornece nutrientes como cálcio e magnésio para as plantas, gerando mais qualidade para a produção de alimentos no município. Além de ajudar os produtores rurais, ajuda também o pequeno comerciante, pois o trabalho de entrega é feito pelas empresas de frete do município.

O prefeito Celso Kubaski, comentou sobre a criação e a eficiência do programa na cidade. “É um programa nosso, da cidade, o calcário é entregue aos pequenos produtores e foi um projeto que passou pela Câmara dos Vereadores e teve aprovação unanime. Agora, o município está entregando o calcário para quem precisa, é investimento para o pequeno produto rural”.

O secretário de Agricultura explica que “o prefeito autorizou a verba para que a gente pudesse trabalhar com este programa, foram feitas reuniões e foram atendidas todas as comunidades, conseguimos atender 240 produtores”.

Ainda, segundo Castro, o programa beneficia não somente o produtor rural, mas também, os caminhoneiros que realizaram os fretes.“Conseguimos 196 fretes, desta forma o produtor está recebendo o calcário na sua propriedade. Nós também fizemos a interpretação de todas as análises de solo e foi atendido todas as comunidades com um investimento de R$ 300 mil, com verba do município”, finaliza o secretário.